domingo, 20 de abril de 2014

NOTA DE FALECIMENTO


Foto da família Penteriche

Faleceu neste Domingo (20/04) a senhora MARIA VIDAL PENTERICHE com 74 anos de idade, moradora no Bairro Centro.

Seu corpo esta sendo velado no velório municipal.

Seu sepultamento se dará hoje (20/04), às 13 horas, no Cemitério São João Batista.

A família enlutada as nossas condolências.

Dados fornecidos pela Funerária da Paz de Pilar do Sul







sábado, 19 de abril de 2014

NOTA DE FALECIMENTO



Faleceu neste Sábado (19/04), o senhor NICANOR DE OLIVEIRA, com 67 anos de idade, morador no Bairro do Pinhal, zona rural de Pilar do Sul.

Seu corpo esta sendo velado no velório Municipal de Pilar do Sul.

Seu sepultamento se dará amanhã (Domingo) 20/04, às 10hs, no Cemitério Jardim das Acácias em Pilar do Sul.
                                  
A família enlutada as nossas condolências.

Dados fornecidos pela Organização Lemes Funerária


NOTA DE FALECIMENTO


Faleceu neste Sábado (19/04) a senhora MAURILIA DA SILVA MORAES, com 61 anos de idade, moradora no Bairro Douradinho em Piedade.

Seu corpo esta sendo velado na residência.

Seu sepultamento se dará amanhã (20/04), em horário não definido, no Cemitério de Piedade.

A família enlutada as nossas condolências.

Dados fornecidos pela Funerária da Paz de Pilar do Sul






CACHORRA ENCONTRADA EM PILAR DO SUL


Foi encontrada neste sábado (19/04), próximo ao Supermercado Economix, no Bairro Jardim Marajoara, uma cachorrinha da raça Poodle, cor preta com alguns pelos brancos devido a idade, tamanho pequena.

A cachorrinha esta muito bem tratada e deve ter escapado de alguma residência próxima.

Quem souber a quem pertence por favor, entrar em contato urgente pelo telefone (15) 99605.6573.

Informamos que a Associação Protetora dos Animais “Anjos Sem Asas”, não possui abrigo para animais encontrados, por isso, caso não apareça o dono nos próximos dias, será colocada para adoção.


Produtores de uva investem em nova variedade da fruta em Pilar do Sul

Principal característica da fruta é o maior nível de doçura
Produtores rurais apostam na variedade da uva pilar moscato 
(Foto: Carlos Alberto Soares / TV TEM)
Uma mutação espontânea da uva itália fez surgir uma nova variedade da fruta em Pilar do Sul (SP).

A principal característica da nova espécie, chamada de 'pilar moscato', é o maior teor de doçura.O parreiral onde fica a variedade é preciso ser coberto com uma tela de proteção para evitar danos provocados por chuva de granizo e pássaros. Durante três meses os cachos ficam protegidos com um saco de papel especial contra umidade e tem ainda uma cobertura plástica. A distância entre uma linha e outra é de 40 centímetros para melhorar a incidência da luz solar. Isso aumenta a quantidade de açúcar na uva. A colheita que começou em janeiro só termina no fim de abril. Os cachos só são retirados dos pés quando atingem 18% de teor de açúcar.

Segundo o engenheiro agrônomo Sérgio Matsuaga, o índice de açúcar é medido com um equipamento chamado refratômetro. Para saber se a uva está no ponto, é feito o teste num gomo da parte de cima que é mais doce e em outro de baixo. Ainda segundo ele, as frutas de variedades comuns costumam ter no máximo 14% de açúcar, já as da 'pilar moscato' passam de 20%. “A gente acaba controlando a quantidade de cachos por metro quadrado. Cada planta acaba ficando com 35 cachos somente. E isso vai facilitar com que a uva chega a 18% de açúcar mais rápido que o normal”, explica.

Ao longo de sete anos produtores do município aprimoram as técnicas de manejo, e descobriram que para chegar ao tamanho desejado e ao sabor diferenciado é preciso produzir menos em cada pé. A associação dos produtores do município estima que a produção da fruta este ano seja de 100 toneladas.

Em uma propriedade onde a fruta é cultivada, o encarregado rural João da Cruz, um dos cultivadores da fruta, fica de olho na lavoura todos os dias. Tanto cuidado é pra garantir o perfeito desenvolvimento da uva. No local são quatro hectares plantados com a variedade. A expectativa é tirar 40 toneladas de uva, o dobro da produção do ano passado. “Estamos aprendendo a cada ano, por exemplo, o ano passado foi deixado mais cachos e esse ano foram menos. Cada ano está melhorando”, afirma.

Com tantos cuidados específicos, segundo Sérgio Matsuaga, o custo de produção é até três vezes maior do que nos parreirais de variedades mais comuns. “A mão de obra é muito mais cara que as variedades normais. Cada turno de serviço são duas pessoas. Uma delas tira o saco e colhe a baga, a outra vem com refratômetro e faz a medição. Então é anotado a data e a porcentagem de açúcar, só depois é feita a colheita”, revela.

Atualmente, o quilo da uva é vendido por R$ 15. Segundo o chefe do departamento de uva da Associação Paulista dos Produtores Caqui, Silvio Maruya, a margem de lucro não é tão grande. Mas no momento estão interessados em divulgar a variedade e com a expectativa de que o preço suba ainda mais nas próximas safras. A produção vai para os mercados de São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. “O produtor tem a função de colher, embalar, conforme a padronização da associação, e colocar no mercado onde a associação denominar. Quanto maior a categoria, e o padrão de bago, maior o preço”, afirma.

Fonte: G1



quinta-feira, 17 de abril de 2014

Criminosos assaltam propriedade na divisa de Pilar do Sul com Salto de Pirapora


Quatro indivíduos disfarçados de compradores chegaram em uma propriedade no Bairro da Ilha, área rural de Pilar do Sul, na divisa de Salto de Pirapora, e disseram que pretendiam comprar um carneiro, após essa declaração, o proprietário recebeu o quarteto criminoso.

De cara "limpa", os indivíduos sacaram suas armas e anunciaram assalto, em seguida levaram a quantia de R$ 460, e uma caminhonete F 1000 de cor amarela, placa de BMS 3067 de Pilar do Sul.

O assalto ocorreu no início da noite de quarta-feira (16/04). O caso foi registrado pela polícia de Salto de Pirapora, que diligenciou os bairros rurais e urbanos daquela cidade, contudo não conseguiu localizar o veículo e nem os criminosos.

Fonte: Blog Toni Silva Sorocaba


quarta-feira, 16 de abril de 2014

Colisão entre duas motos no centro de Pilar do Sul


Duas motos trafegavam pela Rua Américo Brasiliense sentido centro/bairro nesta quarta-feira (16/04) quando na esquina da Rua Elói Lacerda aconteceu a colisão.

Segundo boletim de ocorrência, um homem que estava com sua filha de apenas 7 anos de idade na garupa de sua moto, parou no cruzamento das duas ruas quando outra moto que vinha atrás ao tentar desviar, acabou colidindo com a lateral de sua moto.

A criança foi levada pelo próprio pai em outro veículo para o pronto-atendimento da Santa Casa local, populares que viram o acidente declaram que aparentemente foi um acidente incomum, mas sem gravidade.