domingo, 17 de janeiro de 2016

Pilar do Sul sofre com os problemas causados pelas fortes chuvas

Estrada José Waldemar Mazzer Pilar/Tapirai - Foto: O Jornal
As fortes chuvas que atingiram Pilar do Sul (SP) na madrugada do dia 02/01 provocaram destruição em vários locais. Os bairros do Pombal, Turvo dos Antunes, Boa Vista, Lavrinha, entre outros, foram os mais atingidos. Dez pontes rodaram ou foram interditadas deixando a população com dificuldades para se locomover de um lugar para outro.

Na estrada vicinal José Waldemar Mazzer, que liga Pilar do Sul a Tapiraí, pelo grande volume de água, uma cratera foi aberta por onde passa uma tubulação de águas pluviais próximo ao bairro São Manoel, inviabilizando o tráfego de veículos pela mesma. A interdição da estrada está causando transtornos aos usuários, que necessitam utilizar de desvios por estradas de terra.

No dia 13/01 “O Jornal” conversou com os secretários Robertson Magalhães Jordão (Secretaria de Gabinete, Segurança e Trânsito) e José Franciso de Almeida (Secretaria de Finanças) sobre a previsão das obras para conserto da estrada vicinal.

Segundo Beto Jordão a prefeitura, com recursos próprios, iniciará o conserto tão logo cessem as chuvas. Os reparos serão feitos em parceria com a Suzano Papel e Celulose.
O secretário de Finanças salientou que já foi autorizada a compra de tubos para que as obras comecem assim que o tempo permitir. “Se for preciso, os funcionários trabalharão também nos finais de semana”, enfatizam os secretários.

A previsão para o conserto e a liberação da estrada ao tráfego é de 30 dias.

Por onde se anda em Pilar do Sul, não se consegue mais desviar dos inúmeros buracos existentes, alguns já existiam, outros, foram causados pelas fortes chuvas.(Fotos: O Jornal)

Jardim Pinheiro
No Bairro Jardim Pinheiro, a Rua Sebastião de Toledo foi interditada ao tráfego por causa da erosão.


Rua Antonio Paulista
Na Rua Antonio Paulista com a Rua Cel. Batista, vários buracos profundos se abriram, um veículo descendo a Cel Batista quando foi entrar à esquerda na Antonio Paulista, quase acabou subindo na calçada e batendo na parede da residência pois não há sinalização na Cel. Batista informando do obstáculo que fora colocado (cones) em alguns dos buracos. O especo entre o cone e a calçada é muito pequeno, ou o motorista passa por cima dos cones e cai nos buracos quando faz a entrada ou bate no meio-fio e sobe na calçada.



Rua Don Lucio Antunes
Na Rua Don Lucio Antunes de Souza com a Rua Coronel Moraes Cunha, os motoristas também enfrentam grande dificuldade com a existência de buracos.




Nenhum comentário:

Postar um comentário