terça-feira, 7 de junho de 2016

Moradores de Sorocaba e região enfrentam falta de energia elétrica

Morador registrou falta de energia em Votorantim (Foto: Emerson TV Cidade/ Arquivo pessoal)

Moradores de cidades da região de Sorocaba (SP) enfrentaram falta de energia nesta segunda (06/06) e terça-feira (07/06). Segundo informações da Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL), enviadas ao G1 às 5h, o fornecimento foi restabelecido, de forma provisória, em Sorocaba, Votorantim, Itu, Mairinque, São Roque, Ibiúna, Iperó , Araçoiaba da Serra , Araçariguama e Capela do Alto.

Contudo, com o aumento do consumo previsto pela manhã, a distribuidora irá fazer manobras operacionais, o que poderá provocar a interrupção do serviço para 150 mil clientes.

Nas cidades de Piedade, Tapiraí e Pilar do Sul, a Elektro confirmou a interrupção no fornecimento de energia. Em nota divulgada pela concessionária nesta terça-feira (07/06), o fornecimento de energia na região somente poderá ser totalmente normalizado com o restabelecimento do sistema de transmissão da Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista (CTEEP).

Após inspeção, a CTEEP detectou 10 torres de transmissão danificadas e, em função disso, houve a interrupção no fornecimento de energia a partir das 15h10, desta segunda-feira (06/06).​ O sistema tem sido seriamente afetado pelos recentes efeitos climáticos com fortes ventos, chuvas e descargas atmosféricas.

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) confirma o problema. Em função de temporais na região entre Sorocaba e Embu-Guaçu, no estado de São Paulo, ocorreu o desligamento de três linhas de transmissão de 440 kV que interligam as subestações Oeste e Embu-Guaçu (CTEEP) e a alimentação ao Consumidor Livre Companhia Brasileira de Alumínio (CBA).

O desligamento das linhas causou a desernergização das substações. Com isso, houve perda de aproximadamente 630 MW de carga, afetando os clientes da distribuidora CPFL na região de Sorocaba e municípios próximos.

Os motoristas enfrentaram lentidão no trânsito em diversos bairros de Sorocaba. Segundo testemunhas, alguns semáforos ficaram inoperantes. Os telefones da Urbes, SAMU, Defesa Civil e da Guarda Municipal de Sorocaba também ficaram inoperantes. Já o número dos bombeiros funcionou normalmente. Segundo o Corpo de Bombeiros de Sorocaba, as equipes atenderam três ocorrências com pessoas presas em elevadores na região, mas já foram retiradas. Ninguém ficou ferido.

Fonte: G1 Sorocaba e Jundiaí

Em Pilar do Sul a situação ficou precária, comerciantes e moradores reclamaram que perderam muitas mercadorias, que estavam armazenadas em frízer e câmaras frigoríficas.

As pessoas que se sentiram lesadas deverão acessar o site da Elektro e procurar preencher o formulário “Ressarcimento de danos não elétricos – Elektro” baixar Arquivo para download “Carta de Ressarcimento de Danos Não Elétricos - 159 KB” (modelo abaixo)

Data: ____ / ____ / ____

DADOS DO SOLICITANTE
Nome:
CPF / CNPJ:
RG:
Telefones de contato:
E-mail:

UNIDADE CONSUMIDORA ONDE OCORREU O DANO         
Seu código:   
Endereço:      
Bairro:
Cidade:          
CEP:  

DADOS DA OCORRÊNCIA
Data provável do dano:
Horário provável do dano:
Descrição do ocorrido:


__________________________________

Assinatura do Cliente
CPF/RG:


CHECK LIST dos documentos necessários para o registro do pedido:

O solicitante deverá ser titular da conta de energia elétrica, caso contrário, deverá comprovar que é o responsável pelo imóvel (ex.: enviando cópia do contrato de locação).
No caso de pessoa jurídica, deverá ser enviada cópia do Contrato Social da empresa.

Danos não elétricos:
(  ) Orçamento do dano - Deverá conter número do Cadastro Nacional  Pessoa Jurídica - CNPJ, número da Inscrição Estadual – IE da assistência técnica, valor da mão de obra, descrição dos materiais para conserto e das peças necessárias ao reparo e demais informações pertinentes ao dano e
(    ) Poderá ser enviado o registro de ocorrência policial, se já o possuir.

Mortalidade Animal:
(    ) Laudo Veterinário contendo os seguintes dados:
Dados do veterinário: Nome, Número do registro no CRMV e
Dados do animal: Raça, Idade, Peso, Causa Mortis e Valor Comercial.
(    ) Poderá ser enviado o registro de ocorrência policial, se já o possuir.

Danos em Veículos:
(    ) Boletim de Ocorrência informando os dados do veículo;
(    ) Cópia da CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo) e
(    ) Cópia da CNH (Carteira Nacional de Habilitação), do condutor do veículo.

Produtos Perecíveis:
(    ) Nota Fiscal e
(    ) Documentos Comprobatórios

Observações:
Poderão ser enviados outros documentos tais como fotos e/ou outras evidências comprobatórias do dano alegado.
O registro do Boletim de Ocorrência não é obrigatório, mas se já o possuir na data da solicitação, deverá ser enviado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário