quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Para quem ainda acha que vender clandestinamente animais não é crime...

 Polícia prende dona de canil clandestino com mais de 90 animais no ABC Paulista
 
Assim vivem os animais em canis clandestinos que são alimentados por compradores
A polícia descobriu um canil clandestino nesta terça-feira (06/09), em Santo André, na Grande São Paulo, onde mais de 90 animais eram mantidos em condições precárias. A proprietária vendia os cães pela internet e os alimentava quando eles já tinham compradores. Por meio de uma denúncia anônima, a polícia ambiental encontrou os animais em condições precárias.

Os animais eram de raça e estavam trancados em ambientes escuros e sujos, todos doentes e desnutridos. A proprietária comercializava os animais há oito anos, eles eram alimentados apenas uma vez por dia com ração de péssima qualidade, os que já estavam vendidos eram tratados de maneira melhor até o comprador os levar.

Para economizar, a proprietária aplicava medicamentos vencidos e com seringas reutilizadas. Os animais eram vendidos pela internet ao custo de R$ 600 à 2.000 reais, nos Pet Shop chegavam a ser comercializado até R$ 7.000.
A mulher permanece presa e vai responder por maus tratos, pratica ilegal da profissão e crime ambiental.

É muito importante que todos que sabem dessa pratica ilegal (canil clandestino de animais), denunciem, afinal, são vidas inocentes tratadas de maneira desumana apenas visando lucro e bem estar do comerciante.
A lei deveria ser mais enérgica e punir também as pessoas que incentivam essa pratica, pois se não houvesse compradores, esse comercio com vidas inocentes não seria sustentado.



Nenhum comentário:

Postar um comentário