sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Jovem motociclista de Pilar do Sul sofre acidente grave

Foto do Facebook

Tiago de Góes Carvalho de 31 anos de idade, filho de Januário de Carvalho Gomes, comerciante da Agro Marajoara, sofreu um acidente por volta das 10h30, na altura do comércio Agro Maia na Av. Presbitero Jovino Gomes Ribeiro, bairro centro.

De acordo com informações colhidas por familiares, Tiago dirigia sua moto indo sentido centro, quando na esquina da Rua Padre Caetano Jovino, um veículo Golf de cor preta cruzou a Av. Presbitero Jovino colidindo direto com a moto jogando o motociclista a muitos metros de distância.

Com o impacto da batida a vitima teve seu pé e parte de sua perna praticamente esmagada, vindo a perder muito sangue.

Funcionários do comércio Maia prestaram todos os cuidados com à vitima colocando um saco de ração para apoio de sua cabeça, duas pessoas ficaram segurando sombrinhas para protegê-lo do sol escaldante enquanto aguardava-se o socorro pelo Samu.

Tiago passou por cirurgia e teve seu pé e parte de sua perna amputados, continua internado até a próxima segunda-feira.

Falta estrutura na Saúde e na agilidade do socorro
Januário de Carvalho Gomes, pai da vitima reclamou que:
1-    Seu filho ficou mais de 40 minutos estendido no chão até que chegasse o Samu, “primeiro chegou a equipe do Detranps, em seguida a policia militar e por ultimo a unidade de resgate” ressaltou Januário;

2-    A vitima foi encaminhada para a Unimed em Sorocaba através de uma ambulância terceirizada pela Santa Casa (Roni), sem nenhuma estrutura para transportar doentes: “espaço pequeno demais, meu filho teve que ir encolhido porque não poderiam fechar a porta; dentro dessa ambulância não tem nenhum equipamento para emergência, o paciente é transportado totalmente sem nenhuma acomodação adequada” desabafa Januário;

Januário enfatiza ainda que, não esta discutindo a qualidade de atendimento por tratar-se de seu filho, mas sim, por saber o quanto a população carente vem sofrendo com a saúde pública em nossa cidade.



Nenhum comentário:

Postar um comentário